expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

.

.

domingo, janeiro 22, 2017

Concursados buscam motivos que levou o atual Prefeito de Pau dos Ferros Leonardo Rego a decreta a sustação da liminar que assegurava que os mesmos trabalhassem


Em um texto publicado nas redes sociais um dos concursados Ailton Castro publicou um texto na noite desse sábado 21 de Janeiro de 2017 relatando os constrangimentos e prejuízos que levou a retirada da liminar que assegurava os 79 concursados aprovados no concurso realizado em 2015 a trabalhassem.

O mesmo ainda relatou que no mesmo dia houve uma reunião com vereadores da situação e oposição para buscar apoio e saber os reais motivos da decisão do atual prefeito de Pau dos Ferros, no texto Ailton relata que não irão desistir e continuaram a fazer o que fazem de melhor estudar pois acreditam que para ter uma melhor vida esse é o caminho relatou também que lutaram pelo certo judicialmente e espera que a gestão municipal tenho BOM SENSO para esclarecer sobre as futuras convocações e os motivos que o levou para decreta a sustação dos concursados.

Reunião com os vereadores 


Texto Ailton Castro publicado na noite de ontem 21 de janeiro de 17

Boa noite pessoal, durante a manhã fomos procurar os vereadores para explanar nossos problemas referentes ao concurso e neste momento, solicitamos que tanto os vereadores da oposição como os da situação estivessem presentes para que pudessem perceber que nossas reivindicações não se tratam de lado político A ou B e sim de um terceiro lado que é sempre excluído e desrespeitado, à população. No entanto, para nossa surpresa hoje ao final da tarde a prefeitura consolidou seus planos e colocou todos os concursados para fora sem dar nenhuma resposta ou explicação. Para vocês terem uma ideia desde o dia 2 de janeiro que já estávamos trabalhando e agora iremos sair sem ganhar nada e acumular mais um prejuízo, somado aos diversos danos que já tivemos que aí vocês coloquem gastos com exames, transporte, alimentação e o desemprego pois à maioria pediu demissão dos antigos trabalhos. É complicado conter as palavras e sentir toda essa injustiça e não poder fazer nada. No entanto, fui ensinado que o único caminho para o êxito é através dos estudos e dá determinação, que devemos sempre olhar os outros na altura dos olhos nem acima e nem abaixo, respeitando para ser respeitado. Assim, nós iremos continuar lutando pelo certo judicialmente e esperamos que o gestor municipal, tenha o bom senso de esclarecer sobre as futuras convocações e os motivos que o levou para retirar a liminar que permitia nosso trabalho. No mais, continuaremos a fazer o que fazemos de melhor, estudar, pois acreditamos que para ter uma melhoria em nossas vidas esse é o caminho, e não a bajulação política como alguns pensam, remanescentes de um pensamento retrógrado. Não esquecendo, agradecemos aos vereadores Hugo Alexandre Santos, Sargento Monteiro, Galego Do Alho e a todos os outros que atenderam o nosso pedido, referente a reunião com os demais vereadores.

O decreto número 02/2017 foi publicado no Diário Oficial do Município no dia 20 de janeiro  pelo então atual prefeito Leonardo Nunes Rego decretando a sustação(suspensão) das convocações provenientes 042/2016 043/2016 044/2016 045/2016 046/2016 047/2017 e seguintes publicadas no Diário Oficial do Município até 31 de dezembro de 2016 com referência ao concurso público para provimento de cargos efetivos regido pelo edital número 002/2015.

Foi decretado também por consequência, ficando sustados os demais atos administrativos (nomeações e posse) advindos dos editais de convocações descritos no capítulo do art. 1º.

Leiam o decreto 




Como se ler acima os concursados iram possivelmente, ajuizar um novo mandado de segurança para fazer valer os seus direitos.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Opine com responsabilidade sem usar o anonimato usando a Liberdade de Expressão assegurado pelo artigo 5º da Constituição Federal.

Liberdade de expressão é o direito de todo e qualquer indivíduo de manifestar seu pensamento, opinião, atividade intelectual, artística, científica e de comunicação, sem censura, como assegurado pelo artigo 5º da Constituição Federal.

Postagens populares

DOCUMENTAÇÂO PARA ENCAMINHA SALARIO MATERNIDADE OU AUXILIO DOENÇA

DOCUMENTAÇÂO PARA ENCAMINHA SALARIO
MATERNIDADE OU AUXILIO DOENÇA

-. Certidão de Nascimento ou Casamento;
-. CPF, Identidade, Carteira Profissional e Titulo Eleitoral;
-. Prontuário Familiar;
-. Requerimento de Matricula dos Filhos, se tiver;
-. Ficha de Emergência, se tiver;
-. No caso de auxilio doença Atestado Médico.
-.No caso de Salário Maternidade Declaração de
Nascido Vivo e Certidão de Nascimento.
-. Carteira do Sindicato, se tiver, não tendo será
necessário fazer; para fazer a inscrição no sindicato,
trazer 2 fotos 3 x 4 e os documentos citados
-. Guia de Contribuição Sindical; se tiver;
-. Incra Atual da terra onde trabalha;
-. Contrato de Parceria ou Comodato Rural;
-. Declaração do Proprietário;
-. No Mínimo um documento contemporâneo
que prove ser agricultor(a)
-. Declaração de 3(Três) confrontantes da terra
onde trabalha e copia ITR de cada um deles

OBS: 02 Xérox de Cada Documento