Páginas

terça-feira, 15 de abril de 2014

LUTO OFICIAL DE UM ANO PELA MORTE DA ÉTICA NA POLITICA: UMA VERGONHA SENHORES

COLUNA PRA INICIO DE CONVERSA: 15 DE ABRIL DE 2014



01-. ESCLARECENDO: Vanessa Mendes




Por que nessa cidade tudo se leva para o lado político, seja para o lado A ou para o lado B! Mesmo quando agente usa uma rede social para expor a sua opinião e buscar o nosso direito! Não sou adversária de ninguém por que eu não tenho um partido fixo! E eu não estava criticando nada, estou apenas mostrando o que de fato está acontecendo! #Se a Verdade Dói #fazer o que ?!  Se sentindo indignada.









02-. Nota enviada por E-mail: Abro um espaço excepcional para a divulgação desta matéria que, no meu entendimento, é merecedora de destaque. Por isso, envio este breve release para que possa divulgar em seu espaço, esta informação. Acredito que este seja o caminho para que outros municípios possam adotar semelhantes medidas.
Pau dos Ferros: Vereadores aprovam projeto que proíbe utilização de animais em espetáculos
A cidade de Pau dos Ferros, na manhã desta terça-feira, 15, deu um importante passo com o intuito de ampliar a defesa dos direitos dos animais. Afinal, foi aprovado na Câmara de Vereadores um projeto de lei de autoria do Vereador, Gilson Rego, que proíbe a participação de animais em espetáculos.
Segundo o Vereador, que teve a sua proposta subscrita pelo colega Francisco José (Gordo do Bar), com a aprovação desta lei fica proibida a utilização de animais, sejam eles, selvagens, domésticos ou domesticados, nativos ou não, em espetáculos realizados no município de Pau dos Ferros.
Ainda de acordo com o Gilson Rego, já foi exaustivamente apresentado pela mídia, como os animais são previamente submetidos à cruel condicionamento para executarem performances, que quando não são obedecidas, acarretam-lhe em dolorosos castigos e privações, utilizando-se, muitas vezes, da força bruta e até de descargas elétricas.
Conforme a lei, que foi votado favoravelmente apenas por Gilson Rego, Francisco José e Gutenberg Bessa, o descumprimento deste dispositivo acarretará na aplicação de multa no valor de quatro salários mínimos, ao responsável pelo estabelecimento, além da cassação do Alvará de Funcionamento.
O projeto de lei agora segue para apreciação do Prefeito de Pau dos Ferros, Fabrício Torquato, que poderá sancionar e tornar lei, este projeto. 

03-. MPF recorre para proibir novamente a TIM de vender novas linhas no RN até resolver problemas
Decisão judicial de primeira instância obrigou empresa a montar estrutura necessária, mas não impediu que continuasse realizando novas vendas.
O Ministério Público Federal no Rio Grande do Norte (MPF/RN) recorreu ao Tribunal Regional Federal da 5ª Região (TRF5) para que a TIM Celular S/A seja proibida novamente de comercializar novas assinaturas ou linhas no estado, até que monte a estrutura necessária para garantir a qualidade dos serviços. A apelação inclui ainda o pedido de aumento da indenização a ser paga pela empresa, de R$ 10 milhões para R$ 50 milhões; e a simplificação na forma como os clientes serão ressarcidos.
A sentença de primeira instância, proferida em janeiro deste ano, obrigou a TIM a montar a infraestrutura adequada ao bom andamento dos serviços, mas não impediu a captação de novos clientes. A ré foi condenada ao pagamento de R$ 10 milhões em indenização por danos morais coletivos e à reparação de danos materiais que porventura vierem a ser demonstrados, por cada um dos usuários lesados.
O recurso do MPF, assinado pelo procurador da República Ronaldo Sérgio Chaves Fernandes, requer que o TRF5 reforme a sentença e determine a proibição das vendas de novas linhas, enquanto essa infraestrutura não for montada; o pagamento da indenização por danos morais coletivos no valor inicialmente proposto (R$ 50 milhões) e que todos os clientes sejam ressarcidos por danos materiais, independente de ingressarem com pedido específico.
No entender do Ministério Público Federal, a empresa deve pagar a cada um dos seus consumidores no Rio Grande do Norte o valor de R$ 2,00 por mês, contados a partir de abril de 2009, seja em forma de crédito para os consumidores do sistema pré-pago, ou abatido nas contas dos usuários do pós-pago. Até agosto de 2010, o montante já representaria mais de R$ 32 milhões em indenizações por danos materiais.
Decisões - A ação civil pública foi proposta inicialmente pelo Ministério Público Estadual à Justiça Estadual e posteriormente remetida à Justiça Federal. A ACP aponta as irregularidades praticadas pela TIM na prestação do serviço de telefonia móvel no Rio Grande do Norte, incluindo recorrentes congestionamentos das ligações e quedas de chamadas. Uma antecipação de tutela, em janeiro de 2011, chegou suspender as vendas de novas linhas.
A sentença de primeira instância, de janeiro último, acatou apenas parcialmente o pedido do MPF e determinou “que a TIM viabilize todos os investimentos necessários à implantação dos projetos de ampliação da infraestrutura da rede de telefonia móvel requeridos pelo MP, na proporção necessária a fazer frente ao incremento do número de usuários”. Porém o pedido de suspensão das vendas não foi tratado.
O MPF solicitava que a TIM fosse proibida de comercializar novas assinaturas ou habilitar novas linhas (ou códigos de acesso), ou mesmo proceder à implementação de portabilidades de códigos de acesso de outras operadoras para a TIM, enquanto “não comprovar que instalou e estão em perfeito funcionamento os equipamentos necessários e suficientes para atender às demandas dos consumidores que possui atualmente no Rio Grande do Norte, inclusive quanto à demanda reprimida em função da má prestação do serviço”.
No entender do procurador da República Ronaldo Sérgio, permitir a continuidade das atividades de comercialização de novas linhas, sem a garantia da estrutura, poderá agravar o dano já provocado. “(a proibição) possui um caráter inegavelmente coercitivo, sendo certo que a TIM será motivada a implementar com muito maior rapidez e eficiência as medidas faltantes para o fiel cumprimento do projeto de ampliação da infraestrutura da rede de telefonia móvel”.
Problemas – A Anatel apontou, em relatório de fiscalização promovida entre fevereiro e abril de 2012, que a empresa “não resolveu completamente os problemas de congestionamento e de queda de chamadas no Estado do Rio Grande do Norte” e que “houve momentos em que para cada 100 tentativas de originar chamadas 82,45 foram perdidas”; além de serem registradas quedas de ligações em 62 municípios do interior potiguar e em três bairros da capital.

“Convém atentar para o fato de que o problema objeto da presente ação civil pública, como bem se percebe do inquérito civil que instrui a inicial, remonta há vários anos e ainda não foi solucionado (...), sendo certo que a única medida, ainda que de cunho temporário, que fez mudar a postura da ré/apelada na espécie quanto a essa questão foi à proibição de comercialização concedida pelo r. juízo a quo no âmbito da antecipação de tutela”, reforça o procurador.
Relatórios da Anatel apontaram “que os assinantes da prestadora estão sendo prejudicados em diversos aspectos, particularmente os usuários não são atendidos com uma rede com qualidade adequada, ficando impossibilitados de efetuarem, ou receberem chamadas devido aos altos níveis de bloqueio, ou quando as chamadas não são interrompidas pelas quedas”. Como exemplo, em 2010 o índice de bloqueios de chamadas no município de Luís Gomes ultrapassou os 70% nos horários de maior movimento, quando o máximo admitido pela Anatel é de 5%.
Além disso, o MPF acrescenta que a empresa “tratava com discriminação seus clientes, mantendo um serviço melhor nas áreas abastadas e comerciais da capital, isso em detrimento dos bairros periféricos e das cidades do interior, que tinham de se contentar com um serviço de telefonia celular de qualidade inferior”.
Indenização – Os R$ 10 milhões estipulados como indenização por danos morais coletivos não foram considerados suficientes pelo MPF, que defende um valor de R$ 50 milhões, tendo em vista que, somente em 2011, conforme dados fornecidos pela própria empresa, o faturamento da TIM alcançou R$ 17 bilhões.
“(...) além de a indenização por danos morais ter sido estabelecida em apenas um quinto do que foi pleiteado na exordial, a sentença deixou na dependência da iniciativa dos consumidores prejudicados a reparação dos danos materiais por eles sofridos, e, mesmo assim, se conseguirem comprovar na fase executória tais prejuízos”, cita o texto da apelação.
O MPF questiona de que forma todos os clientes prejudicados poderão tomar conhecimento da sentença, ou mesmo ingressarem com pedidos de reparação dos danos. “Se isso não bastasse, deve-se ter em mente que o cidadão comum não dispõe de meios adequados para comprovar todos os prejuízos experimentados com as quedas de ligações ocorridas, bem como pela ausência de sinal momentânea.”
O processo original tramitou a Justiça Federal no Rio Grande do Norte sob o número 0007305-30.2010.4.05.8400
http://www.prrn.mpf.mp.br/grupo-asscom/noticias-internet/mpf-recorre-para-proibir-novamente-a-tim-de-vender-novas-linhas-no-rn-ate-resolver-problemas
Assessoria de Comunicação Procuradoria da República no RN Fones: (84) 3232-3960 / 9119-9675

04-. Plantão policial o cobra cascavel:

 A quebrada velha de guerra esta  tranquila sem alteração de ordem publica nas ultimas 24 horas Informação do Comandante Sargento PM Rosano Rego: ou lugarzinho tranquilo de uma figa: Saudações ao Comandante e Policiais de Plantão




05-. NOTA DO FÁ DE Soraya Vieira Vieira de Figueiredo compartilhou o vídeo de Jales Almeida.
Há 2 horas Compartilhem esse VÍDEO: 

Crítica construtiva falando dessa BR (estrada federal) que o mato está tomando de conta. O TRECHO É PAU DOS FERROS - NATAL DEPOIS DE ANTÔNIO MARTINS E NÃO MESSIAS TARGINO COMO DISSE NO VÍDEO. OBS: Vai ser gravado mais vídeos cobrando das autoridades competentes mais atenção. Só queria frisar que não temos partido político, queremos mesmo é cobrar serviço para ajudar toda uma sociedade em comum! Se as pessoas que eram para cobrarem do executivo estão se omitindo disso, iremos tentar demonstrar para o povo o que deveria ser feito com uma certa urgência! Dessa vez foi numa estrada federal, da próxima vez será no município de PAU DOS FERROS- FRANCISCO DANTAS - PORTALEGRE. Aguardem...




06-. Cidade das Crateras nas Ruas vai mais ou menos: aqui na quebrada velha de guerra mostra a realidade nua e crua é sinonimo de desavença e pecado: fazer o que

Vou indo e volto amanha se deus permitir, boa noite  


MATÉRIA E FOTO DA PAGINA DA CONTAG - Dedicação e luta das mulheres pela Agroecologia



A Marcha das Margaridas 2011 trouxe o eixo Terra, Água e Agroecologia em sua plataforma política por entender que o acesso aos bens da natureza, especialmente a terra e a água, bem como o direito de decidir sobre o que produzir e como produzir, são fundamentais ao desenvolvimento sustentável com justiça, autonomia, igualdade e liberdade. Hoje, como resultado desta luta, o Plano Nacional de Agroecologia e Produção Orgânica (Planapo) está sendo implementado. E, no Ano Internacional da Agricultura Familiar, Camponesa e Indígena (AIAF/CI), é importante refletir sobre esse modo de produção e os seus benefícios para quem produz e para toda a sociedade.

As práticas agroecológicas já integram uma trajetória significativa no país, embora ainda em estado incipiente de visibilidade e consolidação econômica, técnica e cultural para se afirmarem como base orientadora de um novo modelo de desenvolvimento sustentável para o país.

O AIAF/CI tem como um dos focos promover um intenso debate com a sociedade sobre o padrão de consumo e a produção de alimentos sadios. E, tradicionalmente, as mulheres desenvolvem experiências de produção nos quintais e arredores da casa, para compatibilizar com os trabalhos domésticos e de cuidados, que ficam sob sua responsabilidade. São várias as experiências exitosas, como as das Caravanas Agroecológicas, do Polo da Borborema, as ações realizadas pelo STTR de Apodi/RN, entre outras.

A agricultora familiar Maria Ednalva Ribeiro da Silva, do município de Axixá do Tocantins, na região do Bico do Papagaio/TO, participou da Caravana Agroecológica no seu estado. Segundo a agricultora, há quase 10 anos a entidade APA-TO (Alternativa para a Pequena Agricultura no Tocantins) também tem incentivado a prática da agroecologia na região. É trabalhada a preservação do meio ambiente e das nascentes, o combate ao uso de agrotóxicos e de queimadas. “Quase não temos árvore no Bico do Papagaio. O que tem é o babaçu. Então, nós o preservamos e tiramos dele somente o que precisa, como a palha e o talo para cobrir as casas, já que poucos têm condições de construir uma casa de alvenaria.”

Agora, para Ednalva, além de contribuir com o meio ambiente, um dos grandes benefícios de praticar a Agroecologia é ver o retorno da água. “Antes de começarmos a preservar não tínhamos água em nenhum córrego. Depois, com a preservação das nascentes, as águas que já haviam sumido há cinco anos voltaram. Já faz uns dois anos que não seca. Esse é um ganho muito importante.”


FONTE: Imprensa CONTAG - Verônica Tozzi

CRIME PRATICADOS CONTA A PREVIDÊNCIA SOCIAL - INSS

COLUNA PRA INICIO DE CONVERSA: 15 DE ABRIL DE 2014

01-. COMBATE ÀS FRAUDES: Força-Tarefa Previdenciária desarticula quadrilha no Amazonas:

Principal foco da investigação foi a fraude a benefícios assistenciais de amparo ao idoso e ao deficiente

De Manaus (AM)- A Polícia Federal no Amazonas deflagrou, na manhã desta terça-feira (15), a Operação “Crença” para combater fraudes previdenciárias. A ação policial visa dar cumprimento a oito mandados de busca e apreensão e seis mandados de prisão preventiva expedidos pela Justiça Federal em Tefé (AM), além de dois mandados de busca e apreensão expedidos pelo Tribunal Regional Federal da 1ª Região.        Os mandados judiciais estão sendo cumpridos, simultaneamente, nas cidades de Juruá (AM), Coari (AM), Tefé (AM) e no estado do Rio Grande do Norte.

As investigações que  foram realizadas em conjunto com a Força-Tarefa no Amazonas –  também  integrada  pelo Ministério da Previdência Social e pelo Ministério Público Federal – tiveram início no dia 28 de abril de 2011 e  apontaram a participação de servidores do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) na concessão de benefícios previdenciários fraudulentos a moradores de Tefé e municípios vizinhos, por meio intermediários e “falsos segurados”.

O principal foco da investigação foi o benefício do amparo ao idoso e ao deficiente. As investigações apontaram indícios de que integrante da perícia médica do INSS confeccionava laudos  falsos para “legalizar” a concessão dos benefícios. A Força-Tarefa levantou que, além do perito médico, outros três servidores administrativos do órgão participavam do esquema criminoso, inclusive, o ex-gerente de uma agência do instituto.

O inquérito policial também constatou que autoridades políticas estariam obtendo vantagens indevidas a partir da atuação da organização criminosa, que, ao longo dos últimos anos, dilapidava o patrimônio público. Segundo as investigações, o prejuízo causado aos cofres da União em 103 benefícios identificados com indícios de irregularidades até fevereiro de 2014 ultrapassa R$3.000.000,00. Esse montante pode ser ainda maior, já que o levantamento das fraudes ainda continua.

A Justiça Federal em Tefé determinou, também, o bloqueio de contas e seqüestro de bens de oito investigados, bem como a suspensão da atividade pública de duas investigadas ligadas ao esquema criminoso. Os indiciados vão responder pelos crimes de estelionato cometido contra o INSS, corrupção ativa passiva e formação de quadrilha. Os presos e indiciados serão interrogados pela Polícia Federal e os documentos apreendidos serão analisados com apoio de técnicos do Ministério da Previdência Social.

O INSS apurou que “praticamente 10% da população de Tefé recebe algum tipo de benefício, sendo que destes 26,24% são da espécie amparo social a pessoa portadora de deficiência. Em Juruá, a situação é ainda mais preocupante, sendo que 49,57% dos benefícios mantidos para residentes naquele município são amparo assistencial. Cabe ressaltar que a média nacional de benefícios assistenciais pago pelos INSS é de 6,32% e  no estado do Amazonas, cujo índice já é considerado elevadíssimo, é de 16,68%. 

A operação foi batizada como “Crença” porque, segundo as investigações, a organização criminosa fraudou expressivo número de benefícios previdenciários, na” crença “de que  o esquema criminoso não seria apurado e descoberto pelos órgãos estatais de fiscalização e controle.


Ao todo, 44 policiais federais participaram da Operação. Devido às dificuldades logísticas próprias do estado do Amazonas, para a fase de deflagração a Polícia Federal contou com o apoio da 16ª Brigada de Infantaria de Selva do Exército Brasileiro em Tefé – 16ª BIS/EB, o que permitiu a manutenção do sigilo e o sucesso das ações operacionais. Uma aeronave da Coordenação de Aviação Operacional da Polícia Federal também está sendo empregada na Operação. (SR/DPF/AM e Ascom/MPS)

PLANTÃO O COBRA NO AR 15 DE ABRIL DE 2014

COLUNA PRA INICIO DE CONVERSA: 15 DE ABRIL DE 2014

01-. CONTRIBUIÇÃO PREVIDENCIÁRIA: Donas de casa de família de baixa renda devem pagar INSS de março até esta terça-feira (15)
Segurado pode imprimir a GPS no Portal da Previdência Social  :( www.previdencia.gov.br)
Da Redação ( Brasília) -  O pagamento da competência de março da contribuição das donas de casa de família de baixa renda deve ser realizado até esta terça-feira (15), juntamente, com o recolhimento da contribuição previdenciária dos contribuintes individuais, facultativos e empregadores domésticos. A partir de quarta-feira (16), as contribuições serão recolhidas com multa diária de 0,33%, regida pela taxa Selic mensal.
Para efetuar a contribuição para a Previdência Social com a alíquota de 5% do salário mínimo (R$36,20), o segurado facultativo de baixa renda deve informar na GPS um dos códigos abaixo: 1929 para os segurados que vão efetuar o recolhimento mensal; 1937 para os facultativos de baixa renda que vão realizar o recolhimento trimestral.
Pode se inscrever como segurado facultativo de baixa renda, as donas de casa e homens que são donos de casa, desde que a família esteja inscrita no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico). A renda da família não pode ultrapassar a quantia de dois salários mínimos (R$1.448) mensais.
O segurado que se enquadra no perfil acima deve imprimir a Guia da Previdência Social (GPS), na página da Previdência Social na internet (www.previdencia.gov.br). As inscrições podem ser realizadas também na Central de Atendimento pelo telefone 135 ou nas Agências da Previdência Social.
Benefícios- A dona de casa de família de baixa renda tem direito aos seguintes benefícios da Previdência Social: aposentadoria por idade (mulher aos 60 anos e homem aos 65) , aposentadoria por invalidez , auxílio-doença, salário-maternidade, pensão por morte e  auxílio-reclusão.
Facultativa -  A dona de casa que não é de baixa renda pode contribuir para a Previdência Social como facultativa. O valor da contribuição como segurada facultativa pode ser de 11% ou 20%. Se for 11% será sob um salário mínimo e terá direito a aposentadoria por idade. Se optar por recolher sob 20% ,o salário de contribuição varia entre um salário mínimo e o teto máximo de recolhimento.
Informações para a Imprensa Ligia Borges (61) 2021.5779 Ascom/MPS Informações para o Cidadão Ligue 135

02-. Nota do Portal no Ar. População de 102 municípios do RN recebe peixe para Semana Santa. Emater e prefeituras municipais entregam 95 mil quilos de tilápia até a quinta-feira (17).

A tradição de comer peixe na Semana Santa está garantida para 200 mil pessoas carentes em 102 municípios do Rio Grande do Norte. A Emater em parceria com as prefeituras municipais entrega à população 95 mil quilos do pescado tilápia. Cada pessoa cadastrada receberá dois quilos do alimento.
Os recursos financeiros são da ordem de R$ 800 mil procedentes do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) – Compra Direta da Agricultura Familiar, mantido pelo Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS).
O coordenador do Compra Direta, extensionista rural da Emater-RN, Isaac Alves, ressalta que essa ação, além de garantir ao pequeno produtor a comercialização do seu produto por preço justo, sem a presença do atravessador, permite alimento de qualidade para famílias carentes.
O calendário de entrega começa nesta terça-feira (15) e prossegue até a quinta-feira (17) sob a responsabilidade das secretarias de ação social nos municípios contemplados.
O Cobra pergunta: Aqui na Quebrada vão entrega, não ouvi falar nada ate agora

03-. Operadora de telefonia móvel é condenada por cobrança indevida e danos morais. Publicado em Terça, 15 Abril 2014 09:10
A operadora de telefonia móvel TIM foi condenada pela Justiça a pagar uma indenização por danos morais no valor de R$ 2.000,00 (dois mil reais), acrescido de juros de 1% ao mês a partir da data em que foi registrada a cobrança indevida. A parte autora do processo procurou o Poder Judiciário quando foi surpreendida como inadimplente no SERASA em virtude de débito contraído junto à ré.
Segundo consta nos autos do processo, relatados pela juíza Divone Maria Pinheiro, da 17ª Vara Cível da comarca de Natal, a autora alega que, ao tentar fazer compras no comércio local constatou que devia três faturas à TIM, nos valores de R$ 27,00, R$789,83 e 2.087,76, todas vencidas e não adimplidas. Contudo, segundo a autora, ela não possuía nenhuma relação de consumo junto a empresa demandada e afirmou desconhecer o débito negativado.
Ficou comprovado, na defesa, que os débitos não existiam e que foram computados indevidamente pela parte ré. Além da condenação por danos morais e cobrança de débito inexistente, a TIM ficou incumbida de arcar com as custas processuais e honorários advocatícios.
(Processo nº 0107842-53.2013.8.20.0001)

04-. Aqui na quebrada velha parece tranquila sem alterações de ordem publica: que permaneça assim.

05-. O tempo esta quente mesmo com um Vento soprando, algumas nuvens amenizam um pouco a temperatura: sinais de Chuva existe, isso é com a natureza


Vou ali e se deus permitir, volto mais tarde 

VI NO FÁ ACHEI INTERESSANTE E PUBLICO NO BLOG DO COBRA 15/04/2014




















Branca Queiroz adicionou 2 novas fotos — com Fernanda Carolina Morais e outras 7 pessoas.
PROGAMAÇÃO DO NOSSO JUDA;
QUINTA FEIRA: 
Visita aos sitios, saida ás 1:30 da tarde do Bar São Miguel, para os Sitios Aroeira um, dois e três.
SEXTA E SÁBADO:
Na cidade, saida ás 6 hrs da noite do Bar São Miguel.
DOMINGO: 
Festa para os menbros e familiares do juda, que será realizada no sitio São Gonçalo, saida ás 8 hrs da manhã do Bar São Miguel.

• Na Sexta e Sàbado nosso Juda, terá a animação de Valci Viana Propagandas.
• Na Quinta e no Domingo, terá carro despónivel.
• Para a festa os menbros do juda, deveram comparecer com seus Pais ou acompanhates, portando seus itens para as refeições,( Prato, Copo e Colher) 

PLANTÃO POLICIAL O COBRA NO AR 15 DE ABRIL DE 2014

FOTO DA BADERNA FEITA NAS RUAS DE SÃO FRANCISCO DO OESTE/RN 

DOMINGO DIA 13/04/2014 EM FALAÇÃO NA RADIO LOCAL A PREFEITA ANTÔNIA GILDENE, AFIRMOU QUE NÃO TEM NADA HAVER COM ESTA OBRA.
BOM, ALGUÉM DEVE SER RESPONSÁVEL SIM, OU A EMPRESA, OU A CAERN OU A PREFEITURA, NÃO PODE É FICAR UMA CIDADE CHEIA CRATERA POR CONTA DO DESLEIXO ADMINISTRATIVO SEJA LAR DE QUEM FOR.    
 A SENHORA PREFEITA DEVE FAZER GESTÃO NO SENTIDO DE, OS RESPONSÁVEIS DEIXAR A CIDADE COMO ESTAVA, QUASE SEM CRATERA NAS RUAS E AGORA ESTA UMA BURAQUEIRA E AMONTOADOS DE LIXO QUE ATE PARECE UMA CIDADE SEM ADMINISTRAÇÃO ALGUMA: FICA O APELO 










segunda-feira, 14 de abril de 2014

VANESSA MENDES, VOCÊ EXISTE LINDA

COLUNA PRA INICIO DE CONVERSA: 14 DE ABRIL DE 2014

01-. Plantão Policial o cobra cascavel:

 Não houve arruaça ou contenda que venha perturba a ordem publica, a quebrada velha de guerra esta tranquila nas ultimas 36 horas, conforme Informou do Comandante do Destacamento de Policia Militar Sargento PM Rosano Rego Gonçalves, as Calçadas não falaram nada: Ou Lugarzinho tranquilo.

02-. Daysinhaa escreveu sobre um vídeo na Internet onde um Bandido atira em Um Cidadão sem que ele reaja: "É sempre assim os trabalhadores para sustentar a famílias é q se dão mal e enquanto os bandidos e assassinos ficam por ai só fazendo o mal. Essa é a lei merda do Brasil." "Não FDP não porque elas não tem culpa. Agora de ficar revoltados Dorieudes Diniz não só são vcs nós tbm ficamos.”. O cobra diz: gostei da manifestação, faça isso sempre.

03-. Nota vinda da Deputada Federal Sandra Rosado: 

14 de abril de 2014 Ação civil para proteger patrimônio público pode virar lei
A Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania aprovou em caráter conclusivo, o Projeto de Lei 6182/13, que inclui entre as finalidades da ação civil pública a proteção do patrimônio público e social. Já aprovado pelo Senado, o texto segue para sanção presidencial, caso não haja recurso para apreciação pelo Plenário da Câmara.
O projeto altera a Lei da Ação Civil Pública (7.347/85) e recebeu parecer favorável da deputada federal Sandra Rosado (PSB-RN). O texto também inclui na lei a possibilidade de concessão de medida cautelar para a proteção do patrimônio público.
Atualmente, a legislação prevê ação civil pública para proteger o meio ambiente, o consumidor, a ordem econômica ou urbanística; os bens e direitos de valor artístico, estético, histórico, turístico e paisagístico, além de qualquer outro interesse difuso ou coletivo.
O projeto reforça a função do Ministério Público (MP) de proteger o patrimônio público e social, prevista na Constituição. “A ideia é esclarecer a competência constitucional do Ministério Público”, diz Sandra Rosado, argumentando que “a proposta afasta qualquer polêmica doutrinária ou jurisdicional que possa existir em torno do tema”. Com informações da Agência Câmara Assessoria de Comunicação Jornalista Katiana Azevedo

04-. No mínimo muita burrice: 

É muita burrice não se manifesta diante das falhas escancaradas no Serviço Publico, este mal é crônico igual o Câncer, tem gente que ver Um monte de Lixo na Sua Rua em frente a Sua Casa e o lixo não é seu é provocado pela Ação Publica desastrosa sem planejamento e claro sem compromisso e você ficar calado acuado indignado por dentro mais não desembucha uma fala pelo correto ou pelo errado. É ser Burro ao extremo o k

05-. Fotos feitas por Cobra: o blog o cobra: algumas Fotos das Bibocas e outras da Cidade: vejam ai




06-. Alo Linda Jovem Vanessa Mendes: Você existe mora no Bairro Novo Horizonte, é filha de uma Cidadã de Fibra a nossa querida Didi Leite, estuda é Bonita, educada, não vive as custas alheia, tem um Projeto de vida e exerce sua Cidadania: Olhem ai a foto dela, é Bonita ou não é, pra quem disse que Você não existe. Você é real linda

07-. Alo senhores Vereadores: como vai ficar a situação do Vereador que se diz de Atestado, vai ficar como esta é uma Vergonha já disse o Boris: Esperamos que não 

Por hoje é só, vou ali o volto amanha se deus permitir,   


FOTOS FEITAS POR CHICO LEITE, NAS BIBOCAS DO SERTÃO DE CARNE E OSSOS

AVE CARCARÁ, ESTA EM INSTIÇÃO MAIS AINDA EXISTE ALGUMAS NO SERTÃO  
CANSO, INTRODUZIDO NO SERTÃO 
PAPAGAIO, UMA AVE EM INSTIÇÃO NO SERTÃO, TEM ALGUMAS NO CATIVEIRO, ESSE AI VIVE LIVRE NÃO VAI EMBORA PORQUE FOI CRIADO EM CASA 
ROLINHA CALDO DE FEIJÃO COMO CHAMAM NO SERTÃO, TEM ALGUMAS JÁ EM INSTIÇÃO 

AS MARGARIDAS EM AÇÃO 2014

FONTE: Imprensa CONTAG - Gabriella Avila

Ceará e Rio Grande do Norte realizam suas Oficinas de Capacitação

 As Oficinas de Capacitação do Projeto Margaridas em Marcha no Enfrentamento à Violência contra as Mulheres do Campo e da Floresta seguem acontecendo nos estados. Na última semana foi a vez do Rio Grande do Norte e do Ceará realizarem suas atividades.
Essas oficinas são promovidas com o intuito de aprofundar com as Secretarias de Mulheres das Federações e Sindicatos e com as trabalhadoras rurais as questões acerca da violência contra a mulher e maneiras de enfrentá-la, além de definir estratégias, avaliar o processo de criação dos Fóruns Estaduais de Enfrentamento à Violência contra as Mulheres e o trabalho de atendimento pelas unidades móveis, entre outras abordagens.
Foram três dias de Oficina em ambos os estados, entre os dias 8 e 10 de abril. No Rio Grande do Norte, a secretaria de Mulheres, Antonia da Silva Dantas (Toinha), avaliou como “ótima” a atividade, que recebeu cerca de 50 mulheres. “Tivemos uma grande participação de mulheres, e com muitos encaminhamentos. Fizemos até uma audiência com o governo para falar do tema. As mulheres gostaram bastante e aprenderam muito. Nosso objetivo agora é fazer a unidade móvel funcionar de forma eficiente”, avaliou Toinha.
No Ceará, as 33 participantes de vários territórios do estado, entre dirigentes dos sindicatos e coordenações regionais e representantes de entidades parceiras da Marcha, analisaram a situação da região, o que gerou preocupação diante dos dados. “Percebemos que os mecanismos de enfrentamento do estado não dialogam entre si e não temos instrumentos suficientes para atender as mulheres de nosso estado”, conta a secretária de Mulheres da FETRAECE, Rosângela Moura.
Com o trabalho da Oficina desenvolvido a partir dessa análise, a avaliação foi positiva. “Consideramos a Oficina muito positiva no sentido de emponderar as mulheres na questão da violência e na importância de ter mecanismos de enfrentamento. Não só as unidade moveis, mas também as políticas públicas”, avaliou Rosângela.

Ainda faltam alguns estados para realizarem suas Oficinas. De hoje, dia 14, a quarta-feira, elas acontecem em Rondônia e no Espírito Santo.   

TEXTO ENVIADO POR E-MAIL

POLUIÇÃO

Prefeito de Jardim do Seridó é denunciado pelo MPF por crime ambiental

Jocimar Dantas de Araújo – o Padre Jocimar – é acusado de manter um matadouro público em condições irregulares, despejando resíduos, sem tratamento, diretamente no Rio Seridó
O Ministério Público Federal (MPF), por meio da Procuradoria Regional da República da 5.ª Região, denunciou Jocimar Dantas de Araújo, prefeito do município de Jardim do Seridó, no Rio Grande do Norte, por crime ambiental. Ele é acusado de manter em funcionamento um matadouro público em condições irregulares, em área de preservação ambiental.
Em agosto de 2009, a Prefeitura de Jardim do Seridó foi autuada pelo Ibama e, no mês seguinte, firmou um termo de ajustamento de conduta com o MPF – assinado por Jocimar Dantas. No documento, o município comprometeu-se a adotar algumas providências, como a lavagem dos animais antes do abate, a eliminação de focos de urubus e a implantação de pré-tratamento dos efluentes líquidos. Entretanto, três anos após o acordo, o matadouro continuava a funcionar em condições potencialmente poluidoras e em total desacordo com as normas ambientais.
A cada semana, cerca de duzentos bovinos e cem animais de menor porte (caprinos, suínos e ovinos) são abatidos no local. O sangue é encaminhado a um tanque situado atrás da sala de abate, na parte externa do matadouro; depois, é levado por um trator da prefeitura e despejado, sem tratamento, no Rio Seridó.
De acordo com uma vistoria feita pelo Ibama, os animais são banhados somente após a morte; as peças de carne são separadas e salgadas em ambiente bastante deteriorado; em todos os recintos, há animais domésticos, sobretudo gatos, transitando e se alimentando do material abandonado pelo chão. O sistema de tratamento de efluentes não possui grades para retenção de sólidos; as caixas destinadas ao armazenamento dos dejetos encontravam-se descobertas e com grande concentração de moscas, que se espalham por todo o abatedouro em grande quantidade.
A denúncia foi oferecida pelo procurador regional da República Fernando Ferreira ao Tribunal ao Tribunal Regional Federal da 5.ª Região (TRF5), e não à primeira instância da Justiça Federal no Rio Grande do Norte, porque prefeitos têm privilégio de foro em ações criminais. O acusado deverá ser notificado para apresentar defesa preliminar e, posteriormente, o Pleno do Tribunal avaliará a denúncia, que, se for recebida, será transformada em ação criminal em que Jocimar Dantas será réu. Para o MPF, o prefeito cometeu o crime previsto no artigo 60 da Lei de Crimes Ambientais (Lei nº 9.605/98), que prevê pena de detenção, de um a seis meses, e/ou multa.
N.º do processo no TRF-5: 0043934-75-2013.4.05.0000 (INQ 2929 RN)
http://www.trf5.jus.br/processo0043934-75.2013.4.05.0000
Assessoria de Comunicação Social
Procuradoria Regional da República da 5.ª Região
(81) 2121.9869 / 2121.9876
ascom@prr5.mpf.gov.br
A Procuradoria Regional da República da 5.ª Região (PRR-5) é a unidade do Ministério Público Federal que atua perante o Tribunal Regional Federal da 5.ª Região (TRF-5), a segunda instância do Poder Judiciário Federal para os estados de Alagoas, Ceará, Paraíba, Pernambuco, Rio Grande do Norte e Sergipe.
Assessoria de Comunicação
Procuradoria da República no RN
Fones: (84) 3232-3960 / 9119-9675

PLANTÃO O COBRA NO AR 14 DE ABRIL DE 2014

COLUNA PRA INICIO DE CONVERSA: 14 DE ABRIL DE 2014


01-. O Lixo no Lixo: Vejam só como esta as Ruas da Cidade: Bom, como foi dito eu não devo satisfação pra ninguém. 



TEXTO E FOTO DA JOVEM IZA MARIA BESSA



"A #Inocência não dura a vida inteira. brinque de ser sério e leve a sério a brincadeira..! #RitaLee ;*"
"e de repente as coisas mudam de lugar e quem perdeu pode ganhar..! (8) ;*"

TEXTO E FOTO DE BRUNA FREITAS




""Pra quem tem o pensamento forte o impossível é só questão de OPINIÃO!" 
- #BoaTarde"

VEJA AS NOTICIAS DO G 1 RN.COM

DOCUMENTAÇÂO PARA ENCAMINHA SALARIO MATERNIDADE OU AUXILIO DOENÇA

DOCUMENTAÇÂO PARA ENCAMINHA SALARIO
MATERNIDADE OU AUXILIO DOENÇA

-. Certidão de Nascimento ou Casamento;
-. CPF, Identidade, Carteira Profissional e Titulo Eleitoral;
-. Prontuário Familiar;
-. Requerimento de Matricula dos Filhos, se tiver;
-. Ficha de Emergência, se tiver;
-. No caso de auxilio doença Atestado Médico.
-.No caso de Salário Maternidade Declaração de
Nascido Vivo e Certidão de Nascimento.
-. Carteira do Sindicato, se tiver, não tendo será
necessário fazer; para fazer a inscrição no sindicato,
trazer 2 fotos 3 x 4 e os documentos citados
-. Guia de Contribuição Sindical; se tiver;
-. Incra Atual da terra onde trabalha;
-. Contrato de Parceria ou Comodato Rural;
-. Declaração do Proprietário;
-. No Mínimo um documento contemporâneo
que prove ser agricultor(a)
-. Declaração de 3(Três) confrontantes da terra
onde trabalha e copia ITR de cada um deles

OBS: 02 Xérox de Cada Documento

Postagens populares